Mãe de prematuro…



Se você é mãe de um bebê prematuro, receba meu abraço  e ouça o que eu tenho para te falar: você é muito mais forte do que pode imaginar!  

Eu não tenho a menor dúvida do que acabei de te falar afinal, quem mais seria capaz de suportar a imensa dor de ter que voltar para casa sem o seu bebezinho nos braços tendo que deixá-lo lá aos cuidados de tanta gente desconhecida?

E como se isso já não fosse duro o suficiente você ainda é invadida por um caminhão de sentimentos que chegam sem nenhum tipo de aviso prévio, por vezes você se percebe tão aérea que nem sabe direito onde está e para onde estava indo.  Seus dias não passam,  as horas agora se arrastam e você  chora por qualquer motivo, seja assistindo uma propaganda na TV, observando um passarinho cantando, vendo a vida de tanta gente seguindo seu rumo ou até mesmo ouvindo uma música bonita. Suas emoções estão à flor da pele.  A vida perdeu as cores, o sentido, a razão, tudo ficou cinza de repente e parece que mais nada nessa vida te faz ficar feliz novamente. Eu te entendo.

 Você busca incansavelmente encontrar forças para suportar o peso de todas as preocupações que se aninham na sua cabeça diante de cada visita naquela UTI  Neonatal.  Olhar seu bebezinho  tão esperado, tão amado, mas ao mesmo tempo tão frágil cercado de tantos aparelhos, tantas enfermeiras, tantos bips, é de doer o corpo, a alma e o coração.  É oxigênio, é sonda, é incubadora, é luz, é medidor de saturação tudo ligado ao mesmo tempo e bipando a cada minuto e ele está ali, pelado, sem nenhuma meinha nos pés, que aflição. Seu coração se aperta. Eu te entendo.

Você sente uma vontade quase que incontrolável de colocar nele aquele tip-top lindo que comprou para ele usar logo no primeiro dia de nascimento, mas olhando bem você percebe que vai demorar um bom tempo até ele caber ali dentro já que uma fralda RN consegue ficar enorme naquele corpinho tão pequenininho, tão magrinho e tão enrrugadinho ainda.  Eu te entendo.

O Banco de Leite do Hospital passou a ser o seu ponto de encontro com as ouras mães de UTI, lá você encontra forças para consolar outras mães que também estão vivendo dias difíceis e garante o leite de cada dia para seu pequeno guerreiro. Enquanto está na ordenha, você ora para que hoje só receba notícias boas da equipe médica. Eu te entendo.

Ao mesmo tempo em que você quer que tudo aquilo acabe o mais rápido possível para que todos possam ir para casa, lá no fundo do seu coração existe um medo gigantesco, o medo de não saber cuidar dele como as enfermeiras fazem com tamanha destreza. Eu te entendo.

Ali dentro daquela UTI Neonatal você celebra cada pequena vitória e cada aparelho que vai sendo desligado é uma conquista sem tamanho, cada ml de leite que é tomado é um avanço, cada grama engordada um suspiro de alívio. Todos os dias você entra lá esperando ouvir a seguinte frase da equipe médica: Ele está de alta mamãe, já podem ir para casa! Mas você sabe, lá no fundo do seu coração que a frase: Ele se manteve estável desde ontem  já é motivo suficiente para agradecer a Deus de joelhos.  Eu te entendo.

E enquanto você está acompanhando a evolução do seu bebê, você ora e sofre por todas as outras mães que, assim como você, estão ali, todos os dias esperando por notícias melhores. Vocês se reconhecem pelos corredores do hospital, há uma sintonia, uma identificação, um amor que brota sem precisar dizer uma palavra. Você chora e sofre junto com elas. Eu te entendo.


            Mas sabe o que vai acontecer? Vai chegar o dia em que tudo isso passar e você vai sair dali mais forte ainda do que você pode imaginar!  


bebê prematuro

Share this:

, , , , , , ,

CONVERSATION

4 palpites:

  1. Oi Elaine,
    Prematuros nos ensinam e muito e passamos a ter fé e força que nem sei de onde as tiramos. Por aqui, a sensação é que o período que nossa filha nasceu e ficou em UTI Neo, foi intenso e pareciam dias duradouros até chegar o grande dia da alta.
    São bebês muito especiais e aprendemos e muito sobre esse universo prematuro.
    Beijos,
    Larissa Andrade.

    http://maternidadeecotidiano.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Fui lendo isso e passando ma mimha cabeça um filme da historia da mimha linda vitoria minha filhotaa

    ResponderExcluir
  3. nossa belas palavras,disse tudo são muitos tipos d emoção dentro da gente,as forças surgem de onde nem imaginamos.

    ResponderExcluir
  4. Sou mãe de prematuro e Deus não mim escolheu por um acaso. Sou mãe de um milagre.

    ResponderExcluir

Comente, dê sua opinião, compartilhe experiências...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...